Menopausa

0

Menopausa

Transição hormonal fisiológica da mulher, que ocorre pelo período de 12 meses após a derradeira menstruação espontânea.
Findado esse ano, dá-se início à menopausa.
Esse período, chamado de climatério, tem como característica a redução progressiva dos níveis de estrogênios, observados inicialmente por alterações nos ciclos menstruais, que posteriormente resultam na interrupção permanente da menstruação.
Todos os óvulos que a mulher produz ao longo da sua vida têm origem em células germinativas (folículos) ovarianas já presentes no instante do nascimento. Essa reserva é usada desde a primeira menstruação (menarca) até a última (menopausa), quando morrem os últimos deles, ou seja, os ovários entram em falência.
Os primeiros sinais surgem geralmente entre os 45 e 55 anos, mas pode ocorrer por volta dos 40 anos a menopausa precoce, ou ainda se prolongar após os 55 anos, chamada de menopausa tardia.
Apesar da principal característica da menopausa ser a parada das menstruações, em muitas mulheres ela aparece com irregularidades menstruais, menstruações mais escassas e hemorragias.

Sinais e Sintomas:
- Ondas de calor ou fogachos;
- Cefaleias;
- Astenia;
- Diminuição da libido;
- Ressecamento vaginal;
- Variação do humor;
- Distúrbios do sono;
- Ansiedade;
- Depressão.

O diagnóstico da menopausa é realizado pelo médico ginecologista, depois que a mulher passou 12 meses sem menstruar, enquanto o diagnostico do climatério leva em conta o histórico, o exame físico e alguns exames laboratoriais de sangue.
A mamografia, colpocitopatologia oncótica, ultrassom transvaginal e densitometria óssea são exames complementares que devem ser repetidos com regularidade.

Saiba mais:
- Entre outras causas possíveis da menopausa estão as cirurgias ginecológicas que incluem a retirada dos ovários.
- É comum a alterações da pele, cabelos e unhas.
- Perda de massa óssea é uma característica da osteoporose e da osteopenia.
- Existe um risco aumentado de doenças cardiovasculares – a doença coronariana é a principal causa de morte depois da menopausa.
- Ocorre uma diminuição da taxa de metabolismo basal e a consequente perda de massa magra/músculo.
- Ocorre uma redistribuição da gordura corporal, com aumento da deposição de tecido adiposo na região abdominal.
- Alguns estudos relacionam a redução do estrogênio com o aumento do apetite.
- As alterações metabólicas contribuem para o risco de acidente vascular cerebral.
- Aumentam também o desenvolvimento de Diabetes tipo 2, HAS e dislipidemia.
- A redução estrogênica aumenta o risco de osteopenia e osteoporose.
Cuidados e dicas para se proteger no período da Menopausa:
- Cuide da alimentação para não ganhar peso.
- Evite a ingestão de álcool e não fume.
- Pratique atividades físicas.
- Na menopausa a mulher deverá ir com mais regularidade ao ginecologista.
- A alimentação adequada e bem elaborada é uma grande aliada para a manutenção da saúde nesse período.

image_pdfimage_print
Compartilhar

Sobre o autor

Deixar comentário